HOME

Textos Motivacionais

O Ballet Bolshoi e sonho de Svetlana

Desde pequena Svetlana só tinha conhecido uma paixão: dançar e sonhar em ser uma Gran Ballerina do Ballet Bolshoi. Seus pais tinham desistido de lhe exigir empenho em qualquer outra atividade. Os rapazes já haviam se resignado: o coração de Svetlana tinha lugar para somente uma paixão, e tudo mais era sacrificado pelo dia em que se tornaria bailarina do Bolshoi. Um dia, Svetlana teve sua grande chance. Conseguira uma audiência com Sergei Davidovitch, Ballet Master do Ballet Bolshoi, que ... Leia Mais >>

O Super-Homem e a Fortaleza da Solidão

O Super-Homem é um super-herói interessante durante o período em que ele não conhece sua identidade. É justamente quando ele se parece muito com todos nós. E como se chama a casa do Super-Homem? Seu próprio pai, Jor-El, batizou a mansão de gelo: Fortaleza da Solidão. É simbólico que ela seja de gelo; é também simbólico que ela seja um local solitário. Tanto no filme de 1978 quanto no de 2013 a parte mais fértil da história é justamente a angústia, a solidão e a falta de ... Leia Mais >>

O Sonho dos Ratos, de Rubem Alves

Era uma vez um bando de ratos que vivia no buraco do assoalho de uma casa velha. Havia ratos de todos os tipos: grandes e pequenos, pretos e brancos, velhos e jovens, fortes e fracos, do campo e da cidade. Mas ninguém ligava para as diferenças, porque todos estavam irmanados em torno de um sonho comum: um queijo enorme, amarelo, cheiroso, bem pertinho dos seus narizes. Comer o queijo seria a suprema felicidade…Bem pertinho é modo de dizer. Na verdade, o queijo estava imensamente longe ... Leia Mais >>

Taoismo – “Na não-ação, nada fica sem ser feito.”

Entre as várias sabedorias que prega o Taoismo, uma delas é a não-ação (ou Wu wei), que significa, grosso modo, que quanto mais permitimos que o mundo siga seu fluxo natural, tanto melhor para todos, pois a natureza possui uma sabedoria intrínseca. A não-ação não corresponde a uma imobilidade ou preguiça, mas sim a uma postura mental (melhor termo que encontrei, ainda que inadequado) que permite ao Tao manifestar sua sabedoria, em vez de ficarmos sofrendo ou ansiosos esperando ... Leia Mais >>

Os três filtros de Sócrates: o bom uso da razão

“Os três filtros de Sócrates” é um diálogo difundido na internet falsamente atribuído a Sócrates. Não existem referências a esses três filtros nos diálogos platônicos, seja em Fedro, na República, na Apologia de Sócrates, no Banquete e outros. Contudo, isso não invalida a mensagem positiva que ele transmite. Talvez este diálogo tenha sido atribuído a Sócrates pela semelhança que ele apresenta com os diálogos do famoso filósofo grego. De qualquer forma, podemos ... Leia Mais >>

As rotinas criativas dos grandes pensadores

As rotinas de trabalho dos grandes pensadores sempre foram alvo de curiosidade. Alguns acreditam que imitar as “rotinas criativas” dos filósofos, artistas ou cientistas pode estimular a criatividade, porém, se você analisar os gráficos abaixo — publicados originalmente pelo Infowetrust e adaptados pelo Trampos.co — verá que dificilmente uma rotina será igual à outra. Importante mesmo é perceber que cada pensador desenvolveu uma rotina pessoal, de acordo com suas ... Leia Mais >>

A Arte de Passear, de Karl Gottlob Schelle

A Arte de Passear é um pequeno tratado escrito pelo filósofo alemão Karl Gottlob Schelle (1777-1825). Mais do que apenas discorrer sobre caminhadas, Schelle faz importantes reflexões sobre como nossa disposição física e mental é influenciada pelos passeios ao ar livre. Para Schelle, o ser humano participa de dois mundos: o mundo racional e o mundo das necessidades das criaturas físicas. É interessante — e até mesmo raro — encontrar um filósofo que tenha dedicado boa parte de ... Leia Mais >>

A síndrome do sapo fervido

Este texto é de autoria desconhecida, muito difundido na internet. Muitos sites que o divulgam colocam caixas de diálogo que sobrepõe a leitura. Como utilizei esta ideia em um post sobre mobilidade urbana, resolvi colocar o “sapo fervido” aqui para não prejudicar meu leitor. Fiz também uma revisão na ortografia. Já foi comprovado através de estudos biológicos que se um sapo for colocado num recipiente com a mesma água de sua lagoa, fica completamente inerte durante ... Leia Mais >>

Piotr Ouspensky: Nossa casa está em chamas

“Quando percebemos que enganamos a nós mesmos, que estamos dormindo e que nossa casa está em chamas, sempre, permanentemente em chamas, e que é apenas por acaso que o fogo não atingiu nosso quarto neste exato momento, quando percebemos isso, vamos querer fazer esforços para acordar e não vamos esperar nenhuma recompensa especial”. P. D. Ouspensky A frase acima, do psicólogo e filósofo russo Piotr Ouspensky, refere-se principalmente aos pensamentos negativos e ao nosso ... Leia Mais >>

A praça da logosofia

A logosofia utiliza aquela imagem romântica de uma pracinha de bairro para criar uma  interessante metáfora. Na praça sentamos em um banco e assistimos as pessoas passarem e os fatos ocorrerem. As pessoas e os fatos representam nossos pensamentos. A relação que teremos com essas pessoas, ou com as coisas que nos ocorrem, dependerá de nossa decisão interior, pois somos nós que decidimos qual pensamento pode sentar ao nosso lado. Assim afirma esse interessante conceito logosófico. O ... Leia Mais >>

O Príncipe e o Mago

Trecho do livro The Magus, de John Fowles Era uma vez um jovem príncipe, que acreditava em tudo, exceto em três coisas. Não acreditava em princesas, não acreditava em ilhas, não acreditava em Deus. Seu pai, o rei, disse-lhe que tais coisas não existiam. Como não havia princesas ou ilhas nos domínios de seu pai, e nenhum sinal de Deus, o príncipe acreditou no pai. Um dia, porém, o príncipe fugiu do palácio e dirigiu-se ao país vizinho. Lá, para seu espanto, viu ilhas por toda a ... Leia Mais >>
1 2