FILOSOFIA

copérnico

Nicolau Copérnico: do heliocentrismo à Filosofia Moderna

A grande inovação introduzida por Nicolau Copérnico (1473-1543) não foi propriamente a proposição do heliocentrismo, mas a abertura em direção à aplicação generalizada da matemática na ciência da natureza. O uso da matemática na ciência, em especial na astronomia, na ótica e na mecânica, não era novidade. Desde Pitágoras, passando por Platão, pelo neoplatonismo e chegando até o Renascimento, a ideia de que a matemática (entendida, na época, como geometria) tinha um papel ... Leia Mais >>

Como a ciência se estabelece e evolui seu processo?

Resumo: A obra de Thomas Kuhn, A Estrutura das Revoluções Científicas, é uma das obras mais influentes da filosofia da ciência. Kuhn contribuiu de forma significativa para o debate sobre o progresso científico ao apresentar uma perspectiva baseada na história da ciência e na mudança de paradigmas científicos, indicando que o processo de evolução da ciência seria não-cumulativo e intercalado de revoluções científicas que estabelecem novos paradigmas nas comunidades científicas ... Leia Mais >>

A carta de abjuração de Galileu Galilei

O impacto das descobertas de Galileu Galilei (1564-1642) não pode ser facilmente estimado. Os estudos sistemáticos deste físico, astrônomo e filósofo italiano tiveram forte repercussão na ciência,  na filosofia, na astronomia, na religião, enfim, mudou radicalmente nossa concepção de mundo. É também o exemplo do poder de uma teoria, uma vez que, antes de Galileu, o Sol que girava ao redor da Terra e, depois dele, nos percebemos girando ao redor de uma estrela em um espaço ... Leia Mais >>