FILOSOFIA

Artigos de Netmundi.org - Filosofia na Rede

Filosofia da Linguagem – Introdução e principais autores

A Filosofia da Linguagem é o ramo da Filosofia que investiga as relações entre mundo, pensamento e linguagem. O sentido das palavras, desde os primeiros pensadores, sempre ocupou um papel importante nas reflexões filosóficas. Contudo, foi somente a partir do século XX que a Filosofia passou a considerar a linguagem como uma investigação filosófica fundamental. Se antes ela era secundária, servindo como base para as reflexões, a partir da Era Contemporânea ela tornou-se o tema ... Leia Mais >>

Antropologia da Religião: introdução e principais autores

A Antropologia da Religião, em suas fases iniciais, dedicou-se ao estudo da mitologia dos “povos primitivos”. Este inicio se deu através do ponto de vista do “homem civilizado”, que entendia a si mesmo como integrante de uma cultura mais evoluída — estando os demais povos em estado de infantilidade cultural e espiritual. A própria designação “primitivo” já indicava esta visão depreciativa. Entretanto, com o passar do tempo, todos os povos e ... Leia Mais >>

Filosofia Medieval – introdução e principais filósofos

A característica principal da Filosofia Medieval é a experiência humana fundamentada na existência do sagrado. Essa perspectiva ficou conhecida como Quaestio Dei (Questão de Deus), que é a busca racional pela verdade que não se contradiz pela fé, mas, pelo contrário, lhe dá um novo sentido. A Filosofia Medieval foi desenvolvida principalmente — mas não exclusivamente — na Europa durante a Idade Média (séculos V-XV).  Para o filósofo dessa época, Deus não seria apenas o ... Leia Mais >>

Atlântida – a cidade lendária descrita por Platão

Frequentemente a lendária cidade de Atlântida é citada em textos esotéricos, livros e filmes de aventura. Essa cidade faz parte do imaginário popular, e o motivo desse mistério e popularidade deve-se ao filósofo grego Platão. No diálogo Crítias — disponibilizado em PDF no final desse post —  Platão narra uma guerra ocorrida nos primórdios de Atenas contra “os reis da ilha da Atlântida”, que estaria situada “além das Colunas de Hércules“. Essa ... Leia Mais >>

René Descartes – Biografia, filosofia, obras e frases

René Descartes (1596- 1650) nasceu com o estigma da fragilidade. Sua mãe  morreu de tuberculose poucos dias após o nascimento dele. Os médicos disseram a seu pai que o garoto também estava destinado a uma sepultura precoce, porque herdara a pálida compleição e a tosse de sua mãe. O pai, funcionário, público em Poitiers, entregou-o à guarda de uma ama que o afastava dos jogos e brinquedos das outras crianças da aldeia. Como resultado desse excesso de cuidados, cresceu com um ... Leia Mais >>

Edgar Morin – a urgência do pensamento complexo

A ciência e a educação ocidentais foram construídas sobre uma base analítica, que tende a dividir o conhecimento para compreender os fenômenos. A partir dessa perspectiva mecanicista formaram-se compartimentos isolados que, embora tenham afinidades, desenvolveram métodos diferentes que não se comunicam. As escolas e universidades divididas em séries, departamentos, cursos e disciplinas são um bom exemplo disso. O pensamento complexo, por sua vez, é um paradigma que tenta mostrar o ... Leia Mais >>

David Hume – principais ideias, frases e obras

Da tradição empirista britânica dos séculos XVII e XVIII, David Hume é com certeza o mais influente dos filósofos. Suas ideias exerceram uma força atrativa enorme na filosofia contemporânea. David Hume nasceu em Edinburgo, Escócia, em 1711 e lá também morreu em 1776. Desde cedo, manifestou interesse pela literatura e pela filosofia, embora sua família o destinasse à carreira jurídica. Aos 23 anos, Hume vai para a França, com a intenção de perseguir uma carreira literária. Lá, ... Leia Mais >>

Georg W. F. Hegel – Biografia, filosofia, obras e frases

Georg Wilhelm Friedrich Hegel descendia de uma linhagem de funcionários públicos. Na Alemanha, o funcionário público era um civil cujo senso de iniciativa e instinto de liberdade fora paralisado pelo vírus da burocracia. O pai de Hegel guardava os relatórios das finanças de Württemberg. O emblema de sua família era a rotina oficial. Nascido no dia 27 de agosto de 1770, Hegel foi mandado para a escola latina e depois para o seminário teológico em Tübingen. Revelou-se, contudo, um ... Leia Mais >>

A Filosofia Antiga: o maior legado da Grécia

A Filosofia é um dos maiores legados da Grécia Antiga, sendo também um dos pilares da Civilização Ocidental. O pensamento filosófico grego surgiu no século VI a.C com Tales de Mileto e se estendeu até VI d.C, quando da derrocada do Império Romano e a ascensão do cristianismo. São mil e duzentos anos de história da filosofia greco-romana. Este é o período da Filosofia Antiga, que representa o aparecimento das primeiras investigações puramente racionais acerca da realidade e da ... Leia Mais >>

John Locke – Sobre o entendimento humano

John Locke nasceu em 1632, em Wrington, Inglaterra, e morreu em 1704, em High Laver, também na Inglaterra. Estudou em Oxford, onde teve contato pela primeira vez com a filosofia cartesiana, que lhe despertou grande interesse como alternativa mais adequada ao escolasticismo que ainda predominava no ensino filosófico da época. Estudou medicina, dedicando-se à experimentação e travando conhecimento com alguns dos cientistas mais brilhantes da época. Ainda em Oxford, tornou-se médico ... Leia Mais >>

Platão – Biografia, filosofia, obras e frases

Platão (428 – 348 a.C) era um dos filhos prediletos do céu. Os deuses o dotaram de todos os benefícios que podiam conceder a um mortal — nobre origem, pais ricos, boa aparência, um espírito lúcido num corpo de atleta (recebeu o apelido de Plato, dizia-se, em virtude de seus ombros largos) e um apaixonado amor pela sabedoria. Nesta procura do saber veio, aos vinte anos, a receber a influência de Sócrates, que tinha naquele tempo, sessenta e dois anos de idade. Platão venerou ... Leia Mais >>

Michel Foucault – principais ideias e obras

A forma como Michel Foucault (1926-1984) analisou e interpretou a história foi de fato original e criativa. Não se trata de um revisionismo tendencioso, mas sim de um resgate histórico e detalhado de documentos que poucos deram importância; uma “arqueologia” em regiões abandonadas da história. Ou, como diria o próprio Foucault, uma “exumação” de registros esquecidos. Ao realizar uma pesquisa documental sobre as prisões, os hospícios, a história da clínica e ... Leia Mais >>
1 2 3 9